NOTÍCIAS

As receitas caseiras para engravidar possuem riscos?

A Entenda por que as receitas que prometem acelerar uma gravidez não são uma boa opção

Com o desejo grande de engravidar e após algum tempo sem resultados, é comum que surjam dúvidas nas mulheres. A partir daí, elas passam a ouvir conselhos das mais diversas fontes. E passam a considerar receitas caseiras como boas alternativas para agilizar o processo.

Mas seriam essas receitas para engravidar confiáveis? Há riscos envolvidos ao se recorrer a elas ou aos produtos vendidos sem prescrição médica? Então, vamos esclarecer essas e outras dúvidas a seguir, continue a leitura!

Não existe receita infalível!

Em primeiro lugar, não há receita milagrosa capaz de resolver o problema da infertilidade ou acelerar uma gestação. Apesar de ter funcionado para uma amiga ou alguma desconhecida que relatou seu caso na internet, não existe comprovação científica sobre a eficácia de nenhum medicamento, chá, misturas de ervas ou remédio importado.

Por isso, receitas caseiras ou produtos que prometem resultados rápidos para engravidar não são confiáveis.

A princípio, esses são alguns pontos que você PRECISA ter em mente:

  1. O que parece ser bom, pode na verdade ser prejudicial: receitas ou produtos que prometem melhorar a fertilidade podem até auxiliar em algum aspecto, mas prejudicar em vários outros, afetando funções do seu organismo.
  2. Cada caso é um caso: o remédio indicado para uma mulher não necessariamente será o mesmo a ser indicado para você. Por isso, tomar qualquer mistura ou remédio sem prescrição médica é um enorme risco para você e seu futuro bebê.
  3. Na internet as informações são confusas: a mesma substância que é indicada em uma receita caseira para engravidar ou chá para aumentar a fertilidade, é considerada abortiva em outro site. Então, lembre-se que qualquer pessoa pode fornecer informações sobre qualquer assunto na internet sem ter estudado ou seguir algum fundamento científico para isso.
  4. Só tome uma decisão após conversar com especialista no assunto: antes de tomar uma atitude e a fim de ter maior segurança, converse com médicos especializados em reprodução. Pesquise antes sobre o tema que e, depois, tire todas as suas dúvidas com o profissional.
  5. Os motivos que levam a uma infertilidade são variados: para entender seu problema e identificar uma possível infertilidade, é necessária a consulta com médico capacitado.

As causas para infertilidade são diversas

Na maioria dos casos, a infertilidade é momentânea e pode ser tratada. Além disso, nem sempre o problema está na mulher, 35% dos casos de infertilidade estão relacionados à ela, 35% estão relacionados ao homem, 20% a ambos e 10% têm causas desconhecidas.

Por isso, casais que após um ano de tentativas ainda não conseguiram engravidar, devem procurar ajuda médica para uma avaliação. O especialista vai avaliar o histórico familiar, o quadro de saúde de ambos, além de recomendar uma série de exames para determinar a causa.

Dentre os motivos relacionados à infertilidade estão hereditariedade, doenças, cirurgias, estilo de vida e problemas hormonais.

Dessa forma, com o diagnóstico correto, o médico especialista em reprodução humana poderá indicar qual o tratamento mais adequado para a ocasião. Há casos que são solucionados de forma rápida e simples, outros exigem tratamento com alto potencial de resultado satisfatório.

Dica: tome cuidado com os mitos que envolvem a fertilidade feminina e masculina. Saiba o que é verdade ou não.

Truques que não apresentam riscos

Casais que desejam engravidar devem saber que o processo pode ser um pouco demorado e que não há nada de errado nisso. Cada história é única e o momento da concepção também. Respeitar o seu corpo e tempo é muito importante!

Algumas dicas, porém, podem ajudar no processo sem oferecer nenhum risco às futuras mamães, nem aos bebês:

  • Tome ácido fólico, pois ele ajuda a evitar má formação fetal;
  • Evite fumar e ingerir bebidas alcoólicas durante o período de tentativas;
  • Saiba quando é seu período fértil, ou seja, descubra quando está ovulando e mantenha relações sexuais nesses dias;
  • Procure um especialista;
  • Esqueça as receitas caseiras para engravidar.

Conclusão

Muito cuidado com o que lê e ouve por aí. Mesmo substâncias naturais, aparentemente inofensivas, podem representar um problema para sua saúde física e mental.

Com a frustração de uma “receita infalível” não ter dado certo, a mulher pode ficar mais ansiosa e estressada. E isso não favorece em nada o processo para quem quer engravidar. Em situações de muita ansiedade e pressão, a produção hormonal acaba sofrendo variações e, consequentemente, a fertilidade pode ser prejudicada.

Vamos conversar? Me conte quais são suas dúvidas para que eu possa te auxiliar no que for preciso.


COMENTÁRIOS

Dra. Claudia Navarro CRM 21.198 / RQE 38.556 Diretora clínica da Life Search e membro do corpo clínico do Laboratório de Reprodução Humana do Hospital das Clínicas da UFMG.
INSCREVA-SE PARA NOVIDADES
Todos os direitos reservados a Claudia Navarro. Desenvolvido por Agência Salt.